Programa / Projeto: HABWAVE
Início: 27-09-2018 Fim: 26-09-2021
Resumo

HABWAVE -Relevância da conjugação de processos biológicos e físicos na iniciação de blooms de algas nocivas na costa NW de Portugal.

No sistema de upwelling da Península Ibérica, blooms do dinoflagelado tóxico Gymnodinium catenatum são um fenômeno recorrente, embora altamente variável com eventos que podem ocorrer anualmente ou em décadas. Nesta área, a dinâmica da floração de G. catenatum é usualmente interpretada como sendo mais dependente de restrições no estágio planctónico do que no acumular de quistos no sedimento.

Esta hipótese baseia-se em resultados de campo e laboratório. Mas uma pergunta permanece, de onde vem as sementes inoculadoras? Este projeto olha para esta questão, investigando os processos físicos e biológicos que determinam o florescimento inicial do G. catenatum, com ênfase nos estágios bentónicos (quistos).

Serão também investigadas outras espécies produtoras de quistos prejudiciais e potencialmente prejudiciais (HABs).

Para saber mais consulte a página oficial deste projeto em http://habwave.rd.ciencias.ulisboa.pt/ .

Parceiros

Financiamento

FCT

Estado atual 40%

Atividades realizadas:

  • Concluídas a task 2 (satellite data collection and analysis) e task 3 (in situ data collection);
  • Em fase de análise, os dados oceanográficos (físicos, biológicos e sedimentológicos) colhidos na campanha de mar (task 3).

  2018-11-19    0 / 9;