Página Inicial seta Tomada de Posse do Diretor-geral do Instituto Hidrográfico

Tomada de Posse do Diretor-geral do Instituto Hidrográfico

Realizou-se no passado dia 19 de novembro de 2015, a cerimónia de tomada de posse do Diretor-geral do Instituto Hidrográfico (IH), Contra-almirante António Manuel de Carvalho Coelho Cândido, em substituição do Contra-almirante José Luís Branco Seabra de Melo.

A cerimónia, presidida pelo Chefe do Estado-Maior da Armada e Autoridade Marítima Nacional (CEMA/AMN), Almirante Luís Manuel Fourneaux Macieira Fragoso, teve início com a imposição da Medalha Militar da Cruz Naval-1.ª classe ao Diretor-geral cessante, Contra-almirante Seabra de Melo.

Este evento contou com a presença de vários representantes de departamentos governamentais, dirigentes de organismos públicos, estabelecimentos de ensino superior, centros de investigação, parceiros cooperativos, bem como oficiais generais, ilustres convidados, militares, militarizados e civis do IH.

Na sua alocução, como Diretor-geral do IH, o Contra-almirante Coelho Cândido referiu que o Instituto Hidrográfico, como órgão da Marinha ao serviço da defesa nacional tem um papel muito relevante no apoio às operações navais e, de uma forma geral, às operações marítimas. Nos últimos anos, a excelência da sua capacidade científica, possibilitou o desenvolvimento de produtos inovadores de apoio à esquadra e à Autoridade Marítima Nacional, essenciais para uma intervenção mais eficaz e segura em ambiente marítimo. O Instituto Hidrográfico associa a esta natureza o facto de ser um Laboratório do Estado inserido no Sistema Científico e Tecnológico do País, no domínio das Ciências do Mar, focando-se no apoio às políticas públicas marítimas, oceânicas, costeiras, litorais e águas interiores navegáveis.

A cerimónia terminou com o alocução do Almirante CEMA/AMN, tendo proferido umas palavras ao CALM Seabra de Melo pelo vasto e diferenciado conjunto de ações, que muito contribuíram para o alicerçar da razão de ser do IH, no espaço de investigação e desenvolvimento ligado à economia do mar.
O Almirante CEMA/AMN afirmou que o Instituto Hidrográfico, sob tutela do Ministro da Defesa Nacional e na sua direta dependência, com o estatuto de Laboratório do Estado, tem por missão assegurar a realização de atividades relacionadas com as ciências e técnicas do mar, tendo em vista a sua aplicação militar bem como o contribuir para o desenvolvimento do País nas áreas científica e de defesa do ambiente marinho, em articulação com o Ministério da Educação e Ciência e com o Ministério da Agricultura e do Mar.

Destacou ainda o Almirante CEMA/AMN que é neste sentido que, agregando valências únicas num País de escassos recursos, o IH, deve continuar a afirmar-se como um polo aglutinador em áreas como cartografia, hidrográfica ou a oceanografia operacional.