Página Inicial seta Sistema de Observações Costeiras e Oceânicas baseado em DRONE’s

Sistema de Observações Costeiras e Oceânicas baseado em DRONE’s

O Sistema de Observações Costeiras e Oceânicas baseado em DRONEs (SOCO-DRONE) é um projeto desenvolvido pela UAVISION, em colaboração com o Instituto Hidrográfico e a DEIMOS Engenharia S.A..

Numa iniciativa tão ambiciosa quanto inovadora, serão desenhados e desenvolvidos dois UAVs de asa fixa e elevada endurance, tendo como base a atual plataforma WINGO da UAVISION, que será adaptada à monitorização oceânica. As aeronaves terão um peso inferior a 40 kg, o que será conseguido à custa de uma grande capacidade de miniaturização dos sensores construídos pela UAVISION.

Após os necessários testes, far-se-á uma demonstração num voo de 500 km de ida-e-volta até ao banco Gorringe (área marinha protegida localizada 120 milhas náuticas a WSW do Cabo de S. Vicente, recentemente incluída pelo Governo na Lista Nacional de Sítios da Rede Natura 2000). Caberá ao Instituto Hidrográfico desenhar e validar a componente de observação do oceano, assumindo o duplo papel de parceiro e destinatário final.
O projeto SOCO-Drone teve a sua reunião de Kick-off a 15 de setembro.

O projeto decorrerá durante os próximos 11 meses estando prevista a sua demonstração final, em Agosto de 2016.

 

 

Os objetivos do projeto são:
  • - Criar um drone de média dimensão capaz de estar mais de 10 horas no ar e percorrer cerca de 500 Km;
  • - Usar uma segunda unidade para reforçar a capacidade de transportar sensores/aparelhos de medida servindo de relay entre o aparelho mais afastado e o comando em terra;
  • - Permitir a observação pelos sensores lançados e seus instrumentados, via satélite;
  • - Estudar o nível do mar, com precisão, utilizando frequências do sistema global de posicionamento por satélite recebidos numa plataforma móvel.