Manuel Sarmento Rodrigues (1899-1979)

Manuel Maria Sarmento Rodrigues (1899-1979)
Manuel Maria Sarmento Rodrigues

Vice-almirante. Elaborou o reconhecimento hidrográfico do deita do rio Zambeze.

Na sua vasta obra conta-se um interessante roteiro, "Ancoradouros das ilhas dos Açores", publicado em 1943, que alia ao valor técnico um apurado estilo literário.

Em 1970 escreveu "Algumas informações sobre o rio Douro".

Foi um dos dez membros iniciais da Academia de Marinha, da qual foi o primeiro presidente. Nomeado governador da Guiné em 1945, ali criou o Centro de Estudos da Guiné, com a colaboração de Avelino Teixeira da Mota.

Das muitas e importantes funções que lhe foram confiadas ao longo de uma brilhante carreira, salientam-se as de delegado à Conferência de Cooperação Técnica em África ao sul do Saara (1949), vice-presidente eleito do Congresso Internacional para a Coordenação das Pesquisas Científicas em África (1958) e presidente eleito do Instituto Internacional de Civilizações Diferentes (1956).

Foi governador de Moçambique e ministro do Ultramar, tendo nesta pasta criado os Institutos de Investigação Científica de Angola e de Moçambique e o Centro de Estudos Históricos Ultramarinos.

Fonte: Teixeira da Silva, Reis Arenga, Silva Ribeiro, Santos Serafim, Alburquerque e Silva e Melo e Sousa. “A Marinha na Investigação do Mar. 1800-1999”. Instituto Hidrográfico, Lisboa 2001.