Luís Moraes e Sousa (1845-1924)

Luís António de Moraes e Sousa (1845-1924)
Luís António de Moraes e Sousa

Vice-almirante. Assentou praça em 1862. Efectuou uma missão em Angola a bordo da canhoneira «Guadiana», de 1869 a 1871.

Em 1883, como oficial de guarnição da corveta «Rainha de Portugal» efectuou uma viagem a S. Tomé e Príncipe. Foi nomeado presidente da comissão encarregue de redigir e apresentar um projecto de lei para assegurar a execução do Tratado para a Protecção dos Cabos Submarinos.

Em 1886, já capitão-tenente, é convidado para comandar o transporte «Índia».

Em 1895 é nomeado presidente do Conselho de Guerra, inspector do Instituto de Socorros a Náufragos e vogal permanente da Comissão de Cartografia. No ano seguinte foram-lhe concedidas as honras de ajudante de campo de Sua Majestade El-Rei D. Carlos I.

Em 1907 assume a presidência do Supremo Conselho de Justiça Militar. Mais tarde é promovido a Vice-almirante.

Fonte: Teixeira da Silva, Reis Arenga, Silva Ribeiro, Santos Serafim, Alburquerque e Silva e Melo e Sousa. “A Marinha na Investigação do Mar. 1800-1999”. Instituto Hidrográfico, Lisboa 2001.