Luciano Sena Dentinho (1898-1973)

Luciano Sena Dentinho (1898-1973)

luciano_dentinho_1898_1973.jpgCapitão-de-mar-e-guerra. Assentou praça em Janeiro de 1919.

Nos anos 30 participa na Campanha Oceanográfica a bordo do «Albacora», onde era comandante.

Os seus trabalhos de 1918 a 1931 permanecem ainda famosos internacionalmente no domínio da oceanografia física, embora só com valor histórico.

Em 1932 é nomeado perito junto do Conselho Permanente Internacional para a Exploração do Mar.

Em 1933 efectua vários trabalhos oceanográficos no Algarve.

Em 1934 é nomeado para o cargo de capitão do porto da Figueira da Foz.

Em 1938 é louvado pelo Governador Geral de Angola, pela colaboração no reconhecimento da fronteira do Posto Administrativo de Miconge com a África Equatorial francesa.

Em 1937 foi nomeado presidente da Junta das Missões Geográficas e de Investigação Colonial.

 

Fonte: Teixeira da Silva, Reis Arenga, Silva Ribeiro, Santos Serafim, Alburquerque e Silva e Melo e Sousa. “A Marinha na Investigação do Mar. 1800-1999”. Instituto Hidrográfico, Lisboa 2001.