Página Inicial seta Formação em boias ondógrafo

Formação em boias ondógrafo

O Instituto Hidrográfico mantém, desde a década de 80, uma rede de boias ondógrafo que permite medir a agitação marítima e a temperatura superficial da água.

Estas medições são disponibilizadas, em tempo real, no sítio do IH (http://www.hidrografico.pt/boias-ondografo.php ) e permitem, ao público em geral, conhecer o estado do mar em diversos pontos da nossa costa.


A aquisição de dados de agitação marítima é de primordial importância para o desenvolvimento sustentável do oceano e permite dar apoio às mais diversas áreas, nomeadamente:

  • Componente económica – atividades portuárias, turismo, transporte marítimo, pesca, energias renováveis e aquacultura;
  • Forças Armadas – nas suas diversas vertentes, como por exemplo a busca e salvamento e exercícios militares;
  • Comunidade científica – contribuindo para os mais diversos estudos no litoral português no âmbito da monitorização de ecossistemas marinhos, dinâmica sedimentar e em validação de modelos numéricos.

 

As boias ondógrafo são fabricadas por uma empresa Holandesa, a Datawell (http://www.datawell.nl/ ), sendo o IH seu cliente desde 1979, ano em que se iniciou o projeto de monitorização da agitação marítima em Portugal.

Nos dias 7 e 8 de maio decorreu uma formação sobre boias ondógrafo Datawell nas instalações do fabricante, na Holanda, à qual assistiu a técnica superior Rita Esteves da Divisão de Oceanografia.

A formação teve como principais objetivos o aprofundamento de conhecimentos sobre o funcionamento da boia Directional Waverider e o restabelecimento de contactos com o fabricante. Foram abordados diversos temas, em particular a manutenção da amarração, a calibração do equipamento, a aquisição e o processamento dos dados.

 Aproveitou-se também a oportunidade para conhecer os novos produtos e equipamentos entretanto desenvolvidos pela Datawell.