César Campos Rodrigues (1836-1919)

César Augusto de Campos Rodrigues (1836-1919)
César Augusto de Campos Rodrigues

Vice-almirante engenheiro hidrógrafo. Celebrizou-se como astrónomo, tendo sido director do Observatório da Tapada, de 1890 até à sua morte.

Internacionalmente reputado, inventou um processo para regular concentricamente a iluminação dos óculos, um interruptor para os pêndulos dos sinais horários e diversos cronógrafos.

Distinguiu-se na oceanografia, como colaborador de Mathew Fontenay Maury, de 1855 a 1859, para os traçados das "cartas de ventos e correntes".

Pelas suas observações do planetóide "Eros" foi galardoado com o prémio Valz, da Academia de Paris, em 1904. Colaborou ainda no levantamento da barra e porto do rio Minho.

 

 

Fonte: Teixeira da Silva, Reis Arenga, Silva Ribeiro, Santos Serafim, Alburquerque e Silva e Melo e Sousa. “A Marinha na Investigação do Mar. 1800-1999”. Instituto Hidrográfico, Lisboa 2001.